sábado, 30 de abril de 2011

ZECA SAI DA FUNASA


O Diretor Geral da FUNASA no RN, Zeca Abreu, saiu ontem, 29, do cargo que ocupava desde o Governo Lula.

Quem assume seu lugar é Antônio Barbosa, que já era diretor da Fundação. Assim como Zec Abreu, Barbosa também é indicação do PMDB de Henrique Alves.

ENCHENTES NO VALE: UM DESASTRE CONHECIDO


BARRAGEM SANGRA DESDE ONTEM
Uma tragédia anunciada: mal começou o inverno deste ano, a população de Ipanguaçu, a 215 quilômetros de Natal, já está em polvorosa com a possibilidade das cheias do rio Pataxó. O município passou quatro inundações nos últimos sete anos: em 2004, 2008 e 2009. As chuvas que vêm na região do Vale do Açu já preocupam a população local, principalmente no município de Ipanguaçu, onde 60 famílias já estão desabrigadas e, atualmente, estão alojadas em três abrigos públicos, em casas de parentes, amigos ou cedidas.

Segundo informações da Secretaria de Ação Social do município, 13 comunidade já estão ilhadas: Pau de Jucá, Lagoa de Pedra, Itu, Picada, Porto, Cuó, Luzeiro, São Miguel, Barra, Salinas, Deus Nos Guie, Santa Quitéria e Passagem. Pelo menos 2.200 pessoas já estão afetadas pelas inundações das águas pluviais vinda do rio Pataxó.

Na zona urbana, três bairros já estão tomados pelas águas - Maria Romana, Ubarana e Manoel Bonifácio. Segundo o prefeito Leonardo Oliveira, a situação pode se tornar ainda pior, porque ontem à noite a lâmina de água na sangria do açude Pataxó, a 25 quilômetros da cidade, já tinha 45 centímetros de espessura. “Nós estamos em sinal de alerta”.

A prefeitura contratou duas retroescavadeiras para fazer a limpeza do leito do rio Pataxó, onde existem matas nativas, que contribuem para impedir o fluxo das águas.

No bairro Ubarana, em Ipanguaçu, algumas famílias ainda insistem em permanecer no local. Ontem, o transporte de pessoas já era feito por canoa para aquelas pessoas que resistiam em ficar nas suas casas. A dona de casa Katiane Fonseca no bairro e disse que vai permanecer no local enquanto aguas não invadirem toda a rua: “Hoje de manhã, a água não tinha chegado no meu quintal, mas agora de noite sim”, disse ela, que está se preparando “para atrepar os móveis” caso aumente o nível das águas.

Fonte: Tribuna do Norte

NOTA DO BLOG: o governo do estado teve tempo e com certeza, recursos para amenizar o problema que se agiganta. Desde o início do ano, a SECRETARIA DE RECURSOS HÍDRICOS em ação conjunta com o CORPO de BOMBEIROS do estado fazia monitoramento para acompanhar o desenrolar do processo. Além disso, a EMPARN anunciou initerruptamente que o inverno seria rigoroso. Nada foi feito de objetivo, por parte do estado, para solucionar ou amenizar o efeito negativo das enchentes. Agora, quem sofre é o povo do vale do Açu. 

CONVERSANDO COM DEUS - 03


A Bíblia e o Político: QUANDO A “IGREJA” PISA NA MAIONESE

    “NÃO AMALDIÇOARÁS O PRÍNCIPE DO TEU POVO.” EX 22.28; “NÃO  AMALDIÇOES O REI.” EC 10.20; “A AUTORIDADE É MINISTRO DE DEUS PARA TEU BEM... A QUEM RESPEITO, RESPEITO; AQUEM HONRA, HONRA.” RM 13.4,7; “TRATAI A TODOS COM HONRA, AMAI AOS IRMÃOS, TEMEI A DEUS, HONRAI AO REI.”1PE 2.17
 
A falta de tempo, de leitura bíblica e uma hermenêutica mais apurada têm feito com que muitos crentes “pisem na maionese” quanto ao assunto política. Pisar na maionese quer dizer “agir de forma totalmente diferente ou fazer algo que não tem nada a ver”. Quero apenas afirmar que sou a favor da separação da Igreja e Estado. Mas não posso ser tão ignorante ao ponto de esquecer que sou um cidadão com duas nacionalidades, celestial (eterna) e terrena (temporária).
 Jesus nos ensinou a dar a César o que é de César, e a Deus o que é Deus. Tenho orado para que a Igreja do Senhor não sofra de raquitismo espiritual. Ela precisa crescer, mas crescer com sabedoria. E se tem um assunto que me deixado perplexo é quando vejo e escuto crentes amaldiçoando as autoridades políticas em nosso país e município. A Palavra de Deus nos orientar a orar por eles, nos submetermos a sua autoridade respeitando e dando honra como autoridades instituídas por Deus. Porque eles são eleitos dentro da vontade permissiva de Deus. Acredito que se Jesus vivesse nos dias de hoje, com certeza exerceria o direito de votar. Em quem ele votaria? Não sei! Mas sei que Ele surpreenderia a muitos.
 O voto é um instrumento de libertação, mas também de alienação. A Igreja do Senhor tem a obrigação e o dever de manter o marco da união e conscientização do cristão com seus deveres cívicos, principalmente na hora de votar. É um absurdo o que vem acontecendo  nas pequenas e grandes cidades com o chamado Povo de Deus. Muitos irmãos (ãs) em Cristo têm negociado o seu voto com candidatos por cestas-básicas, pagamento de recibos de água e luz, bujão de Gás, remédios, casas, carros, ajudas financeiras etc. E muitas vezes esses mesmo irmãos (ãs) estão nos púlpitos das nossas igrejas cheio da “unção do Senhor”.
 Não é diferente quando também se trata de servos (as) de Deus que são candidatos, e vivem na vida pública. Muitos têm manipulados os eleitores evangélicos e não evangélicos usando o Santo Nome de Deus para sensibilizar por meio da fé as pessoas a votarem neles. A Palavra de Deus ensina que é pecado o candidato que compra os votos e a consciência do cidadão (Sl. 15). Muitas vezes aproveitando-se da carência social, financeira e do analfabetismo político das famílias.
 O crente deve votar. Somos cidadãos terrenos, mesmo provisoriamente. E assim, temos que exercer aquilo que é um direito nosso, o voto. Porém, não podemos aceitar suborno, nem subornar o eleitor. O crente não pode vender sua dignidade, sua honra, sua consciência cristã. Se realmente o Espírito de Cristo habita em você, não pratiqueis as obras da carne, pois as obras da carne são contra a vontade de Deus (Rm. 8.8,9). Oramos por tudo, e por que não orarmos para Deus nós orientar na hora de escolher nossos candidatos? Por que não orarmos para Deus dar sabedoria para eles? Amados (as) vamos levá-los a CRUZ DE CRISTO. Tomemos cuidado para não continuar pisando na maionese.
 Medite: “Antes de tudo, pois, exorto que se use a prática de súplicas, orações, intercessões, ações de graças, em favor de todos os homens, em favor dos reis e de todos os que se acham investidos de autoridade, para que vivamos vida tranqüila e mansa, com toda piedade e respeito. Isto é bom e aceitável diante de Deus, nosso Salvador.” I Tm. 2.1-3

Pastor João Maria Martins   

sexta-feira, 29 de abril de 2011

MOTORISTA CAUSADOR DE ACIDENTE PODE ESTAR PRESO EM ANGICOS

Informações que acabam de chegar contam que o sujeito suspeito de ter provocado o acidente com vitima fatal na BR 304, que vitimou o professor Aurélio, pode estar preso na delegacia de Angicos. Uma pequena multidão já se aglomera na porta do prédio. 
De acordo com populares, ele vinha fazendo ziguezague na pista,  conduzindo de forma esquisita um veículo tipo Gol, e mesmo quando o taxista Jurandir tentou desviar, não conseguiu, sendo colhido de frente pelo veículo dirigido pelo suspeito.

COLISÃO ENTRE VEÍCULOS DEIXA POPULAÇÃO DE ANGICOS CHOCADA


Uma colisão envolvendo dois veículos, um Passat (chegou a ser divulgado sendo um Gol) vermelho e um Classic branco, ocorreu por volta do meio dia dessa sexta feira,  29. O grave acidente aconteceu na BR-304, nas proximidades do município de Angicos. Informações anda desencontradas que chegam apontam para imprudência de um dos veículos  que de acordo com testemunhas, estaria fazendo ziguezague na pista, o que teria causado o acidente. Ainda de acordo com informações vindas do local, duas mulheres tiveram fraturas nos braços e pernas, mas foram conduzidas para o hospital regional de Angicos, a terceira, esposa do comerciante angicano Doquinha Alves, teve fratura do fêmur e perna, sendo conduzida para hospital da capital.
O condutor do Classic é um motorista de Taxi, conhecido por Jurandir, que faz a linha Angicos/Açu. Ele foi medicado e conduzido também para a capital do estado, enquanto o professor angicano Aurélio Barbalho, conhecido e respeitado por toda a comunidade,  acaba de falecer devido a forte batida e consequentemente ficar preso às ferragens.
De acordo com populares, ele pode ter morrido devido à demora do carro de bombeiros em chegar ao local.
De acordo com novas informações, o responsável pelo acidente foi o motorista do  Passat, que teria passado a noite bebendo e provocou o acidente fatal.
Aurélio era um homem bom e respeitado da comunidade. Sua perda será sentida por todos os moradores de Angicos.

BARRAGEM ARMANDO RIBEIRO QUASE SANGRANDO


A barragem engenheiro Armando Ribeiro Gonçalves está se aproximando do seu momento mais esperado. Faltando apenas oito centímetros para a vazão do primeiro sangradouro, a agua já se projeta por sobre a parede deste, dando a impressão de sangria.
A expectativa para as próximas horas é de que tal fato se concretize, trazendo alegria para milhares de pessoas, banhistas do município e região já se preparam para curtir as águas do maior reservatório do interior do estado.
Por outro lado, existe muita apreensão por parte dos moradores da região do baixo Açu, que estão cada vez mais angustiados com a possível chegada das cheias que já estão desabrigando centenas de pessoas, desalojando-as de suas casas.

GOVERNADORA GARANTE ACESSO A UFERSA ANGICOS

Em audiência realizada na última quarta-feira, 27, a governadora Rosalba Ciarlini recebeu o reitor da Universidade Federal do Semi-árido, Ufersa, Josivan Barbosa, e se comprometeu a viabilizar o acesso para o campus da Ufersa na cidade de Angicos. "Vamos iniciar o mais rápido possível o acesso ao Campus", garantiu a governadora.

De acordo com Demétrio Torres, diretor geral do Departamento de Estradas e Rodagens, DER, o levantamento da obra já foi feito. "Temos condições de iniciar o processo licitatório já na próxima semana. Queremos inclusive dar uma melhorada no projeto, incluindo a parte de iluminação", disse Demétrio Torres.

O acesso para o campus de Angicos faz parte da contrapartida do Governo do Estado para as ações do plano de expansão da Ufersa. Outras construções também já foram iniciadas no estado, a exemplo da cidade de Pau dos Ferros, que teve as obras iniciadas em dezembro do ano passado.

Por Assecom RN

NOTA DO BLOG: O ex-prefeito de Angicos Clemenceau Alves [PMDB] foi o principal defensor de tal ato do governo. O ex-prefeito foi até a governadoria e pediu presencialmente a obra à governadora Rosalba Ciarline. Esta prometeu que ainda em março anunciaria o início dos trabalhos. Demorou, mas agora parece que vai dar certo. Estudantes, professores e população de Angicos agradecem.

quinta-feira, 28 de abril de 2011

DEPUTADA CLAMA POR PROVIDENCIAS CONTRA ENCHENTES NO VALE

deputada Fátima Bezerra (PT) relatou a situação de calamidade pública em que se encontra o município de Ipanguançu devido as enchentes. Ela fez discurso na manhã desta quinta-feira (28) no plenário da Câmara dos Deputados, em Brasília. “Segundo o prefeito Leonardo Souza, até ontem (quarta-feira) cerca de 40 famílias foram removidas de suas residências. Problema idêntico ao ocorrido em 2009 quando o nível do rio Pataxó também subiu expulsando a população de suas casas, arrasando plantações e destruindo fazendas de criação de camarão, que ao lado da fruticultura é umas das principais riquezas daquela região”, explicou.

Ainda em seu discurso, a parlamentar potiguar ressaltou a atenção a ser direcionada aos moradores e trabalhadores da região. “Agora, volta esse antigo problema e, no momento, essas famílias, os agricultores, os fruticultores e carcinicultores, enfim toda a população, carece da atenção do poder público e espera ações concretas dos governos federal e estadual no sentido de que sejam tomadas providências de caráter estruturantes que possam evitar esses desastres”, afirmou.

Fátima Bezerra lembrou que já existem recursos do Ministério da Integração para o desassoreamento do rio Pataxó. Afirmou, também, que a construção de diques resolveria, por definitivo, o problema das enchentes em Ipanguaçu.

Por fim, a deputada fez um apelo à governadora Rosalba Ciarlini e o ministro da Integração, para que tomem as providências estruturais que protejam a população de Ipanguaçu e região das recorrentes enchentes.

NOTA DO BLOG: já passa de 50, o número de famílias desabrigadas em Ipanguaçu, isso só por causa do açude de Pataxó. Quando a barragem começar a sangrar, coisa que deve acontecer nas próximas horas ou dias, então a coisa vai se complicar para os moradores de Ipanguaçu e adjacências. É preciso ação efetiva para combater o mal antes que ele se instale. Alô governo do estado!!!


20 CENTIMETROS PARA A ARMANDO RIBEIRO SANGRAR


O Vale do Açu está em estado de alerta, pois, de acordo com informações da Secretaria do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh/RN), faltam apenas 20 centímetros para a Barragem Engenheiro Armando Ribeiro Gonçalves começar a sangrar.
O reservatório tem 62 km de extensão e um paredão de 3,5 km, onde os três sangradouros medem juntos outros 600 metros. Quando ele transborda significa que o reservatório passou dos 2,4 bilhões de metros cúbicos de água, podendo até chegar a 3,2 bilhões.
Por esse motivo, a Defesa Civil do Estado está a postos para uma possível inundação. O sistema de alerta já foi preparado pelas autoridades de Assú, além do mapeamento das áreas de risco e o cadastramento dos abrigos temporários.
De acordo com o coordenador da Defesa Civil do Estado, o coronel Josenildo Acioli do Corpo de Bombeiros do Estado, o primeiro passo foi dado e que fica a cargo da Defesa Civil do município é supervisionar e emitir o alerta.
“Eles estão a postos, para uma situação de inundação, porém, até o presente momento não foi emitido nenhum sinal de alerta. Caso seja necessário, nós daremos todo o suporte necessário para ajudar a população local”, explica o coronel.