sábado, 7 de outubro de 2017

Polícia Civil prende dupla suspeita de tentar resgatar presos e atacar cadeia em Natal

Bandidos usaram uma caminhonete para derrubar o portão do CDP (Foto: Divulgação/PM)
Policiais civis da 2ª Delegacia de Polícia, com o apoio da 4ª DP, prenderam no bairro de Brasília Teimosa, na Zona Leste de Natal, dois homens suspeitos de participarem da tentativa de resgate de presos e do ataque contra o Centro de Detenção Provisória da Ribeira.

Na madrugada desta sexta (6), a unidade teve o portão principal derrubado por uma caminhonete e paredes foram metralhadas. Agentes penitenciários resistiram e impediram a debandada. Cerca de 120 presos estão detidos no CDP.
Marcas de tiros ficaram nas paredes do CDP (Foto: Divulgação/PM)

Os dois presos foram identificados como Jordenilson Vareliano da Silva, de 20 anos, também conhecido como ‘Primo’ ou ‘Nessinho’, e Luiz Morais de Oliveira Júnior, de 35.

Ainda segundo a polícia, só foi possível chegar aos suspeitos graças a imagens de câmeras de segurança que ficam na praça em frente ao CDP. A gravação mostra 12 homens em três carros, sendo esses uma Amarok branca, um Uno Vivace, e um terceiro veículo estilo sedan preto.

Após seguir a provável rota de fuga, os policiais chegaram ao bairro de Brasília Teimosa, onde encontraram um sedan preto com características semelhantes ao sedan que aparece nas imagens das câmeras. Dentro do veículo estavam Jordenilson e Luiz, que não moram na localidade. Com eles foram apreendidos maconha, cocaína, além de R$ 1.800.

Além da suspeita da polícia, também há testemunhas que confirmam a participação dos dois na ação contra o CDP. Ambos foram autuados em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e tentativa de resgate.


A Polícia Civil disse que as investigações continuam até que todos os envolvidos sejam localizados e presos.

G1RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente