quarta-feira, 1 de novembro de 2017

Atividades marcam encerramento do Outubro Rosa na ESF III do centro da cidade de Angicos

A Campanha Outubro Rosa chegou a sua reta final e ainda muita coisa está por acontecer: Palestras, autos exames, atividades de bem-estar e valorização pessoal e até música ao vivo para as participantes.

Foi o que aconteceu nesta terça-feira (31) onde as pacientes da Estratégia de Saúde da Família lll do bairro Centro, que abrange também os bairros Dom Tavares e Monsenhor Pinto, participaram na própria unidade de saúde de uma programação com atividades extensa que incluiu: orientação nutricional de alimentação saudável, coleta de preventivo, verificação de pressão arterial e práticas corporais.

O jovem médico daquela unidade de saúde, Dr. Hugo Pinheiro, na oportunidade ofereceu através de uma rápida palestra: orientações sobre o diagnóstico precoce e os cuidados que as suas pacientes mulheres devem ter para evitar contrair essa doença que tem afetado muitas mulheres, mas que com a prevenção cuidadosa das próprias pacientes, poderão evitar este mal. Também estiveram presente levando orientações para as pacientes, a enfermeira Tainá; as nutricionistas, Dra Renata Batista e Dra. Jakellyne Alves; e contou com a participação de Kleber Veterinário com música ao vivo.

* Campanha Outubro Rosa foi realizada em todas as Unidades de Saúde do município e terá dia D junto com a campanha Novembro Azul.

Todas as Unidades de Saúde de Angicos, através da Secretaria Municipal de Saúde e do engajamento dos seus servidores, realizaram atividades para reforçar a campanha do Outubro Rosa, que tem por objetivo intensificar a orientação da necessidade de cuidados com a saúde da mulher angicana, no que diz respeito à prevenção do câncer de mama e colo do útero.

A secretária de Saúde, Nataly Felipe, agradeceu o empenho de sua equipe e lembrou que as atividades de prevenção são oferecidas durante todo o ano nas ESF's, na UBS e no Centro de Saúde de Angicos, e que as mulheres angicanas devem fazer um acompanhamento constante de seu estado de saúde.

ASSECOM/SMS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente