segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Maioria das mortes em rodovias federais ocorreu em pistas simples

A CNI fez um levantamento dos acidentes ocorridos em estradas federais ao longo de 2016, com base nos dados da Polícia Rodoviária Federal.

A confederação concluiu que 72% das mortes ocorreram em vias de mão única, ou seja, não duplicadas. 

De acordo com o estudo, houve 4.607 falecimentos em estradas simples, 1.568 em pistas duplicadas e 223 em pistas múltiplas.

A CNI usa os números para pressionar o governo a investir em infraestrutura.


Radar On-Line, Veja

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente