terça-feira, 16 de janeiro de 2018

Em apenas duas semanas do ano, Rio Grande do Norte já registrou 81 homicídios; final de semana teve 28

O Rio Grande do Norte já registrou 81 homicídios nas duas primeiras semanas de 2018. No último final de semana, entre a sexta-feira, 12, e este domingo, 14, houve 28 mortes violentas no estado. Mossoró, com cinco, São Miguel do Gostoso e Natal, ambos com quatro, foram os municípios com mais mortes matadas no período. Os dados foram publicados pelo Observatório da Violência Letal Intencional (OBVIO).

De acordo com o órgão, o número só não supera 2017 devido ao massacre de Alcaçuz ocorrido em 14 de janeiro daquele, quando 26 detentos morreram. “Numa aparente redução de -13,8% que poderá se diluir ao longo do ano se continuar esse número ascendente”, destaca o instituto que contabiliza os crimes de homicídio no RN. 

Entre o final da noite de quinta/início da madrugada de sexta e este domingo, Mossoró registrou cinco homicídios. Uma mulher identificada como Amanda Luana dos Santos, 21 anos, foi morta a tiros no final da noite desta quinta-feira, 11. Segundo informações, criminosos chegaram a residência dizendo que eram policiais. Eles foram direto para o quarto da vítima e a executaram. Amanda estava deitada e foi morta com três tiros na cabeça.

 Um duplo homicídio foi registrado no bairro Boa Vista na manhã da sexta. Morreram Alisson Cleiton Firmino Barbosa, mais conhecido como Gaguinho, e Flávio de Oliveira de Lucena. O primeiro residia no Abolição III e morreu no local. O segundo morava no Abolição IV e ainda tentou correr, mas foi perseguido e morto pelos criminosos. Uma câmera de segurança registrou o momento da morte dos dois homens na Rua Francisco Solon.

Já na madrugada de sábado, 13, Emerson Rocha de Lima, 31 anos, foi morto com quatro tiros. O crime aconteceu por volta das 02 horas no cruzamento das Ruas Artur Bernardes e Orlando Dantas, no bairro Barrocas.

Na manhã do domingo, 14, David de Souza Freitas, 31 anos, morreu vítima de disparos de arma de fogo no bairro Belo Horizonte. Segundo informações, dois indivíduos invadiram a residência e mataram a tiros David. Ele estava deitado em uma rede.

Com estes quatro homicídios registrados no último final de semana, Mossoró acumula nove mortes violentas nestes primeiros quinze dias de 2018.

O OBVIO revela ainda que o estado acumula uma elevação de 14,1% desde 2015 numa escalada diária de 5,79 homicídios por dia em 2018.

DeFato