quinta-feira, 8 de fevereiro de 2018

Governo anuncia meta de contratar 650 mil novas unidades do Minha Casa, Minha Vida em 2018


Os ministros Moreira Franco (esq.) e Alexandre Baldy (centro) durante anúncio nesta quinta (8) (Foto: Guilherme Mazui/G1)
O governo federal anunciou nesta quinta-feira (6) a meta de contratar 650 mil novas unidades em 2018 do programa habitacional Minha Casa, Minha Vida.

O anúncio foi feito pelos ministros das Cidades, Alexandre Baldy, e da Secretaria-Geral da Presidência, Moreira Franco. 

No último dia 1º, o presidente Michel Temer já havia anunciado, durante evento em Brasília, que o objetivo do governo era contratar de 600 a 700 mil unidades neste ano.

Saiba abaixo quantas unidades serão contratadas por faixa do programa:
  • Faixa 1: 130 mil unidades (para famílias com renda mensal de até R$ 1,8 mil);
  • Faixa 1,5: 70 mil unidades (para famílias com renda mensal de até R$ 2,6 mil);
  • Faixa 2: 400 mil unidades (para famílias com renda mensal de até R$ 4 mil);
  • Faixa 3: 50 mil unidades (para famílias com renda mensal de até R$ 9 mil).
De acordo com o ministro Moreira Franco, as novas unidades serão construídas com R$ 63 bilhões financiados pelo Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) mais R$ 9,7 bilhões do Orçamento Geral da União.

Resultado de 2017
O governo anunciou em fevereiro do ano passado a meta de contratar 610 mil novas unidades habitacionais em todas as modalidades do programa.

Questionado nesta quinta sobre se o governo cumpriu a meta, o ministro Alexandre Baldy informou que foram celebradas cerca de 495 mil contratações.

"Objetivo para 2018 é justamente alterar os procedimentos nas seleções que foram realizadas, especialmente no faixa 1, que visa atender a população de baixa renda", acrescentou o ministro.

G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente