terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

Ministra nega suspensão de inquérito contra governador do RN e deputado Fábio Faria

Foto: Thyago Macedo/G1
A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou pedido formulado pela defesa do governador Robinson Faria (PSD) e de seu filho, o deputado federal Fábio Faria (PSD-RN), para que fosse suspenso o andamento de inquérito em que são investigados em decorrência de fatos narrados em acordos de colaboração premiada de executivos do grupo J&F.

A investigação teve início a partir de depoimento prestado por Ricardo Saud à Procuradoria Geral da República (PGR). Na ocasião ele afirmou que, em um jantar realizado na residência de Joesley Batista, teria acertado com Robinson e Fábio Faria o pagamento de vantagens indevidas para que a Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caem) pudesse vir a ser privatizada, no caso de Robinson Mesquita de Faria se eleger governador do RN em 2014. 
O delator Ricardo Saud está colaborando com a Justiça no processo que apura corrupção envolvendo empresários e políticos (Foto: Reprodução)

Continue lendo clicando AQUI!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente