quarta-feira, 30 de maio de 2018

Caminhoneiros entram no 10º dia de paralisação contra alta de combustíveis no RN

Caminhoneiros entram nesta quarta-feira (30) no 10º dia seguido de greve. No Rio Grande do Norte, há vários pontos de mobilização em rodovias federais e estaduais. Em pelo menos oito cidades, as aulas em escolas municipais estão suspensas. Nas ruas de Natal, a frota continua reduzida, e as linhas rodam com 70% dos veículos.

Na capital potiguar, nesta manhã, motoristas de transporte escolar se reuniram em solidariedade aos caminhoneiros e também fizeram um protesto contra o aumento dos combustíveis. A concentração foi na Praça de Mirassol, na Zona Sul da cidade. 
Motoristas de vans escolares se concentraram na Praça de Mirassol, na Zona Sul de Natal (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi)
Na tarde da terça (29), pela primeira vez, as Forças Armadas foram utilizadas para intervir na greve dos caminhoneiros no estado. Em comboio, dezenas de veículos do Exército e das forças de segurança pública se deslocaram até a BR-406, via que dá acesso à refinaria Clara Camarão, em Guamaré. É por ela que trafegam os caminhões que abastecem os postos de combustíveis de todo o estado, incluindo o aeroporto de Natal. Antes de os militares chegarem, no entanto, os caminhoneiros desfizeram o bloqueio que havia na entrada da cidade de João Câmara e os veículos passaram a circular livremente.

G1RN