quinta-feira, 14 de junho de 2018

Aeroporto de Mossoró inicia voos para Recife


Como resultado do investimento do Governo do RN de R$ 2 milhões em obras de reforma, o aeroporto de Mossoró, segunda maior cidade do Estado, voltou a receber linhas comerciais nesta quarta-feira, 13. O voo inaugural foi realizado pela companhia aérea Azul e partiu de Recife, com decolagem às 13h35 e aterrissagem às 15h05. “Começamos hoje um novo momento para a economia mossoroense. O aeroporto está totalmente recuperado e funcionando com uma linha direta para Recife e, de lá, permitindo o acesso para todo o Brasil e para o mundo”, afirmou o governador Robinson Faria.

O chefe do Executivo estadual explicou que as obras físicas e o processo para a emissão da certificação pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) demandaram três anos e grande esforço do Governo. “Mas agora tudo isso é recompensado. Mossoró volta a ter voo regular, o que vai impactar positivamente na economia, atrair novas empresas, gerar emprego, renda e estimular o turismo”, destacou. 

Para viabilizar a operação do equipamento, a administração estadual executou várias melhorias que modernizaram as áreas operacional e administrativa. A reforma dotou o aeroporto de estruturas como check-in de passageiros, embarque, sala VIP, lojas de artesanato, mirante, salas para administração, Infraero e para empresas aéreas e até banheiros. No Anexo do aeroporto foram reformadas as instalações para abrigar o Corpo de Bombeiros. Foi instalada, também, cerca de isolamento da pista.

O diretor geral do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) – órgão responsável pela ampla reforma, Ernesto Fraxe, disse que “O governo tomou uma decisão corajosa de restaurar e colocar em funcionamento o aeroporto, em um esforço conjunto envolvendo uma grande equipe que agora apresenta resultados.”

A prefeita de Mossoró, Rosalba Ciarlini, reconheceu e elogiou as ações do Governo do Estado para retomar as operações comerciais do aeroporto. “Senhor Governador, não sei como expressar em palavras o agradecimento pelo reinício dos voos para Mossoró. Quando eu era menina, em 1954, lembro que embarquei com meu avô em um voo da Panair. Mas essa linha acabou. Depois, como prefeita da cidade consegui trazer voos da BRA, da Trip e da Noar. Mas eles também foram suspensos. Agora é tudo novo. Agradeço ao Governador e sua equipe, à nossa classe política e empresarial que apoia esta realização”, registrou.

O ato de inauguração contou com a presença dos secretários de Estado Manoel Gaspar (Turismo), Sheila Freitas (Segurança Pública e Defesa Social), Jader Torres (Infraestrutura), do diretor geral do DER, Ernesto Fraxe, do diretor da Datanorte, Rildo Tarquínio, dos deputados federais Fábio Faria e Beto Rosado, de prefeitos de vários municípios da região, além do presidente da Câmara Municipal de Natal, Raniere Barbosa, vereadores e populares.

Nova rota

A linha Mossoró-Recife vai utilizar aeronaves modelo ATR 72-600 com capacidade para 70 passageiros. Os voos acontecerão às segundas, quartas, sextas e domingos. A partir do dia 4 de novembro, as frequências serão diárias, com exceção do sábado.

As passagens custam a partir de R$ 103,97 e podem ser adquiridas em todos os canais de venda da Azul.

O percurso será realizado em 90 minutos e permite acesso, a partir de Mossoró, a vários destinos, como Guarulhos, Campinas, Fortaleza, Rio de Janeiro, Aracaju, Maceió e Juazeiro do Norte, uma vez que Recife é um dos principais centros de conexão da Azul.

Empresa contrata 748 novos funcionários impulsionada pela acessibilidade via aeroporto

Instalada em Mossoró, a AeC, uma das maiores corporações do Brasil em outsourcing nas áreas de Contact Center, Consultoria, Software e Gestão em Saúde, está contratando 748 novos funcionários para os seus quadros na sua sede no Oeste potiguar. A coordenadora da empresa, Andreia Rodrigues, disse que as novas contratações acontecem em função do voo regular para Mossoró, que ampliará a captação de clientes. “O acesso rápido vai permitir crescimento de nossas atividades pois poderemos ofertar mais serviços, treinar pessoal com técnicos e recursos que virão de outros estados”, explicou. Em Mossoró, a companhia trabalha para a NET e para a ESPN prestando serviços de vendas, atendimento e relacionamento.

O governador Robinson Faria visitou, no início da noite desta quarta-feira, 13, as instalações da instituição, que é responsável por 13% dos empregos formais em Mossoró. “Aqui temos um exemplo do acerto do investimento no aeroporto. Esta empresa está ampliando suas atividades justamente pelas possibilidades de acesso rápido que o aeroporto oferece. Vai captar novos clientes, gerar novos empregos, contratar mais pessoas que serão treinadas aqui para trabalhar aqui, fortalecendo nossa economia”, disse o Governador.

A unidade da AeC de Mossoró é a terceira maior em Call Center do país. As outras unidades, que juntas empregam 25 mil pessoas, estão localizadas em seis estados – Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro, Alagoas, Paraíba, Ceará.