quinta-feira, 14 de junho de 2018

Suspeitos de integrar facção criminosa morrem em confronto com a PM na Grande Natal

Pelo Pelo menos três morrem em confronto com a PM na Comunidade do Mosquito, em Natal, nesta quarta-feira (13) (Foto: Kleber Teixeira/Inter TV Cabugi )
Dois homens morreram, um ficou ferido e outras três pessoas foram presas após um confronto com a Polícia Militar ocorrido no início da tarde desta quinta-feira (14), na Grande Natal. A ação da PM ocorreu na cidade de São Gonçalo do Amarante.

O tiroteio aconteceu na comunidade Santo Antônio dos Barreiros. Segundo o comandante do policiamento metropolitano, coronel Zacarias Mendonça, os suspeitos envolvidos na ocorrência têm ligação com a facção criminosa paulista Primeiro Comando da Capital (PCC). O homem que se feriu no embate foi levado para o hospital. Um revólver e duas pistolas foram apreendidos. 

Este foi o segundo confronto em dois dias entre policiais e traficantes na Região Metropolitana de Natal. Nesta quarta (13), PMs trocaram tiros com suspeitos na Comunidade do Mosquito, Zona Oeste da capital. Três pessoas morreram durante o tiroteio.

Depois que a polícia foi embora, moradores da comunidade do Mosquito jogaram um corpo no meio da Avenida Felizardo Moura e atearam fogo em entulhos, interrompendo o trânsito nos dois sentidos. A comunidade diz que o corpo é de um adolescente que foi morto durante o confronto.

G1RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente