segunda-feira, 27 de agosto de 2018

Fecomércio RN alerta para tentativa de golpe usando nome da instituição e do presidente em exercício


-->
Estelionatários estão se passando pelo presidente em exercício da Fecomércio RN, Luiz Lacerda, tentando aplicar um golpe por meio do aplicativo de troca de mensagens Whats App. As mensagens são enviadas pelo número (84) 99483-7977.

O golpista entra em contato com empresários pedindo ajuda financeira, no valor de R$ 3 mil, para a locação de um ônibus que levaria um grupo de pessoas a um evento na cidade de Fortaleza (CE), com a presença de representantes de todas as Federações do Comércio do país. 

Os dados bancários informados para o depósito são os seguintes: 1 – Banco do Brasil; Agência: 3293-X; Conta corrente: 117.351-0; em nome de Dennes Weslley da Silva Pinheiro. 2 – Caixa Econômica Federal; Agência: 2010; Operação: 013; Conta corrente: 169.906-9; em nome de Lucas Cordeiro dos Santos. 3 – Caixa Econômica Federal; Agência: 0035; Operação: 013; Conta corrente: 299.132-5; Fernanda Lourrany Nascimento Pereira.

Em troca, o empresário que ajudar com o valor, iria proferir palestra em um evento promovido pela Fecomércio RN, no dia 31 de agosto. O que chama a atenção, é que o convite para a palestra é feito por meio de ofício em papel timbrado, falsificado da Federação, contendo a assinatura do presidente em exercício da entidade, também falsificada.

A Fecomércio RN informa que não realiza este tipo de evento e nem, muito menos, faz este tipo de solicitação a empresários. Além disso, não existe na entidade, e nem a serviço da mesma, nenhuma pessoa de nome Dennes Weslley da Silva Pinheiro, bem como o número de telefone usado não corresponde ao do seu presidente em exercício. Importante ainda reafirmar que o documento convidando para a palestra é falso, que seu presidente não faz ligações pedindo ajuda financeira, como também não há previsão de participação de membros de sua diretoria em eventos na cidade de Fortaleza. Por fim, a entidade e seu presidente informam que as autoridades já foram comunicadas da ação dos golpistas e estão sendo tomadas todas as medidas cabíveis.

Fecomércio RN