segunda-feira, 13 de agosto de 2018

PRA REFLETIR!


Nem sempre os caminhos que traçamos são seguidos e muitas vezes os atalhos e desvios são necessários e até fundamentais para a nossa caminhada futura.

A coisa mais importante é a serenidade da decisão e a renúncia dos desejos. Se o caminho está interrompido, diminuído ou incompleto, é hora de levantar a cabeça e vislumbrar novos horizontes.

A jornada é assim mesmo, cheia de obstáculos, e só precisamos ter quietude e sabedoria para transpôr a todos.
Boa segunda!