sábado, 29 de dezembro de 2018

Após agentes e escrivães, delegados também encerram paralisação no RN

Delegados da Polícia Civil do RN haviam aderido paralisação na quinta-feira — Foto: Pedro Vitorino
 Os delegados da Polícia Civil do Rio Grande do Norte também decidiram encerrar a paralisação e voltar às atividades no início da noite de sexta-feira (28). Agentes, escrivães e servidores da segurança já haviam informado, na tarde de sexta-feira, após assembleia, acatar a ordem judicial e suspender a paralisação iniciada na quarta-feira (26). As categorias cobram o pagamento do 13º salário de 2017 (atrasado para quem recebe mais de R$ 5 mil) e uma definições sobre o salário de dezembro e o 13º deste ano. Os delegados haviam aderido ao movimento, denominado 'Operação Zero', na quinta-feira.

Com a sinalização do governo para o pagamento do 13º salário de 2017, os delegados resolveram suspender o movimento e voltaram ao trabalho desde as 18h de sexta-feira, na Central de Flagrantes, na Delegacia de Plantão da Zona Norte, e nas delegacias regionais espalhadas pelo interior.

Uma nova assembleia, no entanto, está marcada para o dia 2 de janeiro para definir os próximos passos da manifestação, caso não haja cumprimento do governo. A categoria cobra os pagamentos dos atrasados para ativos, aposentados e pensionistas.

G1RN