sexta-feira, 24 de maio de 2019

Assembleia Legislativa e PGE assinam termo de cooperação mútua


A Assembleia Legislativa, por meio da Escola da Assembleia, firmou acordo de cooperação mútua com a Procuradoria-Geral do Estado (PGE/RN) com o objetivo de desenvolver um conjunto de ações. O ato aconteceu na manhã desta sexta-feira (24).

“A parceria busca estabelecer uma ampla cooperação entre a Escola da Assembleia e a Procuradoria Geral do Estado, visando desenvolver um conjunto de ações acadêmicas, científicas e culturais de mútuo interesse, viabilizando o intercâmbio de professores, estudantes e técnicos de ambas as instituições para a realização de atividades voltadas à pesquisa, ensino, extensão e gestão universitária”, afirma o presidente da Assembleia, Ezequiel Ferreira (PSDB).

Investir em ciência e educação é, para o procurador-chefe do Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional (CEAF/PGE-RN), Francisco Wilkie Rebouças Chagas Júnior, "a única maneira de multiplicar os pães", comparou. O procurador-geral do Estado, Luiz Antônio Marinho da Silva, destacou a disponibilização do quadro profissional da instituição para ações acadêmicas. 'Nosso quadro é muito bom e esse intercâmbio será positivo para ambos os lados", disse.

O diretor da Escola da Assembleia, professor João Maria de Lima, destacou a credibilidade da instituição no meio acadêmico. "Nossos cursos são todos certificados pelo Conselho Estadual de Educação. Isso significa que têm validade em todo território nacional. E sobre essa parceria, tenho certeza que teremos uma boa relação", avaliou.

De acordo com o termo assinado, as partes acordantes poderão compartilhar os custos inerentes às diversas atividades, segundo a sua regulamentação interna e entendimentos prévios e específicos para cada caso. Não haverá transferência de recursos financeiros entre as partes. O Termo de Cooperação vigorará pelo prazo de quatro anos, contado a partir da data da sua assinatura.

Também participaram da reunião a chefe de gabinete da presidência da Assembleia, Larissa Rosado, o diretor-geral da presidência da Assembleia, Fernando Rezende, e o coordenador do CEAF/PGE, Rilton Fernando de Paiva Campos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente