sexta-feira, 21 de junho de 2019

Poesia para o Dia


-->
AS ESTRADAS DÃO SINAIS

Paciência é um Dom tão necessário,
Nesse tempo de pura adrenalina!
Carro, moto e álcool é a sina
De quem quer ser exposto no diário.
Só por ter provocado feito otário,
Acidentes nas Vias Principais
Das BRs ou mesmo em vicinais,
Excedendo Os Limites, deu virada:
QUEM NÃO É PACIENTE NA ESTRADA,
É DANADO PRA SER NOS HOSPITAIS!

Dirigir só se torna perigoso
Pra quem faz uma arma do transporte.
Ao invés de servir, traz-nos a morte
De um jeito sangrento e doloroso.
Se você que dirige é orgulhoso...
Se achando maior, porque tem mais...
Nessas vias trafegam animais,
Que também tem direitos, Camarada!
QUEM NÃO É PACIENTE NA ESTRADA,
É DANADO PRA SER NOS HOSPITAIS,

Não discuta no trânsito com ninguém
Para não provocar mais acidentes,
É que isso é papel de delinquentes
E, jamais de Pessoas, qu'é do bem.
Quem agir com respeito, a nota é cem,
E não causa problemas aos demais,
Pois quem xinga com nomes imorais,
Vez por outra a cara é quebrada...
QUEM NÃO É PACIENTE NA ESTRADA,
É DANADO PRA SER NOS HOSPITAIS!

Alterar uma moto é um perigo...
Perigoso é andar sem sinaleira...
Pegar racha se racha a moleira
De quem olha, somente, o próprio umbigo.
A cadeira de rodas é abrigo...
Para quem é teimoso... É o cais
Dos que sobram dos tombos mais fatais,
A fatal cicatriz é tatuada...
QUEM NÃO É PACIENTE NA ESTRADA,
É DANADO PRA SER NOS HOSPITAIS!

O "Problema não é Velocidade"!
Mas é quando nos vem, a tal surpresa
Dos jumentos, correndo com destreza,
Atravessam a pista sem maldade.
E nem sempre, a tal sagacidade,
Que se tem, nos dará os seus sinais...
Pra livrar das batidas mais mortais:
Paciência na hora da jornada!
QUEM NÃO É PACIENTE NA ESTRADA,
É DANADO PRA SER NOS HOSPITAIS.

João Serrania(20/06/2019)
Natural de Afonso Bezerra
Residente em Angicos
Rio Grande do Norte
Nordeste do Brasil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente