quinta-feira, 23 de maio de 2019

Vizinhos sentem forte odor, chamam PM e idoso é achado morto em apartamento


Manoel Leonardo Neto tinha 76 anos e era aposentado da Secretaria de Tributação do Rio Grande do Norte. Ele foi assassinado dentro do apartamento onde morava, em um condomínio no bairro de Capim Macio, zona sul de Natal. O idoso foi encontrado morto pela Polícia Militar nessa quarta-feira, dia 22, após um chamado de vizinhos.

A PM foi acionada quando os moradores do prédio sentiram odor de putrefação vindo do apartamento de Manoel. Ao chegar no local, os policiais precisaram arrombar a porta de ferro do aposento com um ‘pé de cabra’. Entrando no apartamento, constataram o óbito do idoso, que estava com lesões no rosto e nas pernas – indícios de morte por violência física.

Além do forte odor, os vizinhos também relataram um silêncio incomum no apartamento de Manoel desde a segunda-feira, dia 20. De acordo com os militares, o último ruído escutado pelos vizinhos foi o de uma discussão entre o idoso e uma pessoa não identificada, três dias antes de ser encontrado. Durante esse tempo, os moradores tentaram contato com a família do homem, mas não tiveram sucesso.

Os policiais que estiveram no local acionaram a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) e o Instituto Técnico-Científico de Perícia (Itep) para dar início ao processo de investigação da morte do idoso.

Portal no Ar

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente