segunda-feira, 6 de julho de 2020

Governo do RN abrirá 20 leitos de UTI e contrata empresa de transporte sanitário nesta semana

O Governo do Rio Grande do Norte, por meio da Secretaria de Saúde Pública (Sesap), informou ao Agora RN que pretende abrir cinco leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Hospital João Machado, em Natal, cinco em Macaíba e dez em Parnamirim.

Com os novos leitos no João Machado, a unidade terá 25 leitos destinados aos pacientes de Covid-19. A expectativa da Sesap é assinar um termo de cooperação com Parnamirim para destinar 10 leitos que auxiliem no enfrentamento da Covid-19 no município. Assim, o Estado abrirá 20 leitos de UTI em uma semana.

Com a autorização para retomada das atividades econômicas no RN desde o último dia 1º, um documento publicado pelos cientistas do Comitê Científico do Consórcio Nordeste, na última sexta-feira (3), criticou o relaxamento do isolamento social.

“O afrouxamento só pode ser cientificamente justificado por um Rt sensivelmente abaixo de 1, com curvas de casos e óbitos apresentando quedas consistentes e de grande monta por mais de 14 dias, e com uma taxa de ocupação de leitos ao redor de 70%”, reforça o comitê científico.

Sobre o tema, a Sesap pontua que não é possível dar previsão de quando chegaremos a 70%, mas o Governo continua a incentivar o isolamento social e as práticas de higiene.

Atualmente, a taxa ocupação nos leitos críticos de Covid-19 no RN está em 89,5%, segundo o Regula RN. Dos 257 leitos, são 206 ocupados e 24 bloqueados. O isolamento social no Estado está em 50%.

Serviço de transporte sanitário

O Governo Estadual concluiu o chamamento público emergencial para contratação de empresa para prestação de serviço de transporte sanitário em ambulâncias. A vencedora foi a empresa Serv. Saúde Eirelli que inicia a prestação dos serviços nesta segunda-feira (6).

O contrato emergencial terá duração de seis meses e se fez necessário diante do aumento expressivo da demanda, causada pelos efeitos e impactos da pandemia da Covid-19, do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU 192 RN) que passou a atuar acima de sua capacidade. O valor mensal estimado da contratação é de R$ 1.424.016,00.

“A empresa contratada reforçará a atuação do SAMU e contribuirá para fortalecer as ações de enfrentamento à pandemia. Essa é sem dúvida uma conquista para a Sesap que não vem medindo esforços para combater e minimizar o impacto que vem sendo causado pela Covid-19”, disse o secretário de Saúde, Cipriano Maia.

A contratação inclui até seis ambulâncias, equipe de profissionais, materiais de proteção individual e equipamentos para oferecer suporte avançado de vida (SAV) e garantir a transferência dos usuários com sintomas graves da infecção humana causada pela Covid-19, sendo a remuneração mediante efetivo uso do transporte de pacientes. Caso necessário, o contrato poderá ser prorrogado por sucessivos períodos, enquanto durar a emergência em saúde no Rio Grande do Norte.

Pandemia no RN

Os dados atualizados nesta segunda pela Sesap sobre a pandemia do coronavírus no Rio Grande do Norte mostram que o estado contabiliza 1.246 óbitos em decorrência da infecção. Outros 173 estão em investigação.

Segundo a Sesap, são 34.983 casos confirmados da doença, 47.654 casos suspeitos e 54.914 descartados.

AgoraRN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente