terça-feira, 18 de setembro de 2018

Benes Júnior foi atingido por tiro de fuzil


-->
A Tribuna do Norte desta terça-feira destaca que pelo menos um dos tiros que matou Luiz Benes Leocádio Júnior foi de fuzil calibre 5.56, do uso exclusivo das forças militares do RN. A informação consta no laudo balístico realizado dos fragmentos do projetil retirado do corpo do adolescente na noite do dia 15 de agosto pelo ITEP.

O laudo realizado analisa dois projeteis retirados do corpo, ambos indicam que se trata de fuzil 5.56. Das oito armas recolhidas no dia do crime, seis foram fuzis recolhidos dos policiais e dois revólveres calibre 38 que estavam com os bandidos.

A reportagem da Tribuna destaca que o laudo deu negativo para sete das oito armas recolhidas e inconclusivo para uma delas.

A delegada Taís Aires responsável pela investigação afirmou ao jornal que não será necessário um novo exame balístico já que outros indícios elucidam a questão.