terça-feira, 22 de junho de 2021

RN espera receber vacinas da Janssen até quinta-feira (24), diz Sesap

A Secretaria de Saúde do Rio Grande do Norte espera receber até a próxima quinta-feira (24) o primeiro carregamento de vacinas da Janssen contra Covid-19 e já definiu o público prioritário para o imunizante no estado.

O primeiro lote com 1,5 milhão de doses da vacina da Janssen compradas pelo Ministério da Saúde chegou nesta terça-feira (22) ao Brasil pelo Aeroporto Internacional de São Paulo, em Guarulhos.

No dia 9 de junho, a Secretaria Estadual de Saúde do Rio Grande do Norte informou que esperava receber 46,6 mil doses da vacina da Janssen. Porém, o número de doses que o Ministério da Saúde esperava naquela época era maior.

 

Até a publicação desta matéria, a Sesap informou que ainda não foi comunicada oficialmente sobre a quantidade de doses que serão distribuídas ao estado.

 

Segundo o governo, quando chegarem, as vacinas serão distribuídas aos 167 municípios potiguares e usadas inicialmente para imunização da população em situação de rua e caminhoneiros. A distribuição deve ocorrer em até 24 horas, segundo a Sesap.

 

No entanto, esse público tem menos de 6 mil pessoas a serem imunizadas e o restante das doses deverá ser usado na imunização do público-geral, que vem sendo vacinado em forma decrescente por idade.

 

"Esse público foi escolhido exatamente por ser uma população flutuante. Como essas duas populações representam menos de 6 mil doses, as demais doses serão encaminhadas para a população em geral", afirmou Kelly Lima, coordenadora da Vigilância em Saúde

 

A vacina requer a aplicação só de uma dose, ao contrário da maioria das vacinas aplicadas atualmente contra a Covid, que exigem duas doses.

 

De acordo com o Ministério da Saúde, este primeiro lote pode ser usado até agosto. A Janssen pode ser armazenada por pelo menos 3 meses, em temperaturas de 2°C a 8°C, equivalente a geladeiras normais.

 

Como é a vacina

 

Janssen é a vacina desenvolvida pela divisão farmacêutica do grupo Johnson&Johnson, que leva o mesmo nome. O imunizante apresentou eficácia de 66% para os casos moderados a graves, e de 85% para os casos graves.

 

A eficácia mínima recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pela Anvisa é de 50%.

 

A Janssen pode ser armazenada por pelo menos 3 meses, em temperaturas de 2°C a 8°C, equivalente a geladeiras normais. Em temperaturas de -20°C ela fica estável por 2 anos.

 

O imunizante usa a tecnologia de vetor viral e funcionou contra a variante da África do Sul, a mais contagiosa.

 

A companhia diz ter o objetivo de fornecer 1 bilhão de doses da vacina em todo o mundo em 2021.


G1RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente