segunda-feira, 1 de junho de 2020

Secretário de Saúde de Natal pede demissão após fortes críticas a flexibilização

O secretário de Saúde de Natal, George Antunes, informou que enviou uma carta de demissão ao prefeito Alvaro Dias (PSDB), nesta segunda-feira (1º). Segundo ele, a iminente saída se dá após sua declaração com fortes críticas as medidas de flexibilização diante da proximidade do pico da pandemia novo coronavírus na Estado e o aumento de casos.

Segundo a Prefeitura do Natal, a adoção de lockdown não é necessária no atual momento para o município. A análise decorre de uma recomendação feita pelo Conselho Municipal de Saúde de Natal, que sugeriu na última quarta-feira (27) medidas mais restritivas à circulação de pessoas e ao funcionamento das atividades produtivas na capital potiguar.

A Prefeitura pontua que a cidade vai seguir cumprindo com as medidas de isolamento social decretadas pelo Governo do Estado. A previsão do município é continuar assim até o dia 4 de junho – data de encerramento validade do atual decreto. Somente após isso, o Município deve tomar um novo posicionamento sobre as medidas sanitárias.

Na última quarta-feira (27), o Conselho Municipal de Saúde – colegiado formado por entidades que atuam na área saúde da capital potiguar – votou pela recomendação de um bloqueio mais rígido para toda a Natal.

AgoraRN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente