sexta-feira, 24 de agosto de 2018

Operação nacional contra feminicídios e homicídios prende 17 pessoas no RN


-->
-->
No RN, um dos mandados de prisão foi cumprido em Mossoró, na região Oeste do estado (Foto: Polícia Civil do RN/Divulgação)

Mais de 2000 policiais civis, de todo o país, cumprem nesta sexta-feira (24) mandados de prisão contra autores de crimes de homicídios e feminicídio. No Rio Grande do Norte, até o meio-dia, 17 pessoas haviam sido presas nas cidades de Natal, Parnamirim e Mossoró.

Batizada de Cronos, a operação tem apoio do Ministério da Segurança Pública (MSP) e é coordenada pelo Conselho Nacional dos Chefes de Polícias Civis (CONCPC). 

Em alguns estados também estão ocorrendo prisões de pessoas que descumpriram medidas protetivas previstas na Lei Maria da Penha.

Cronos
A escolha do nome Cronos vem da referência à supressão do tempo de vida da vítima, reduzido pelo autor do crime. Ao mesmo tempo, com a prisão dos autores de homicídio e feminicídio, espera-se o impedimento da prática de novos crimes.

Mutirão Maria da Penha
A Delegacia de Polícia Civil de São José de Mipibu está realizando, nesta sexta-feira (24), o 10º Mutirão Maria da Penha. O objetivo é agilizar 67 inquéritos policiais que investigam crimes praticados contra mulheres. Uma equipe de aproximadamente 20 policiais civis vai ouvir 60 pessoas, entre testemunhas, vítimas e investigados.

G1RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente