terça-feira, 10 de setembro de 2019

Médico e dona de academia são mortos a tiros em Jaçanã

Cícero nasceu no Ceará, mas já trabalhava em Jaçanã fazia algum tempo. Ele frequentava a academia quase que diariamente. A morte do médico é um mistério para a família. A mulher dele disse não saber o que motivou a morte do marido. O médico também atendida pacientes de Jaçanã, Coronel Ezequiel e mais dois municípios paraibanos, que são vizinhos. Além da esposa, Cícero deixa três filhas.

O marido de Alexiandra esteve na academia. Porém, bastante abalado, ele não teve condições de falar sobre o ocorrido. A mulher deixa o marido com dois filhos.

Os bandidos fugiram em um EcoSport de cor branca. A Polícia Militar ainda fez buscas pela região, mas não encontrou nenhum suspeito.

Carro queimado
Em uma estrada de terra que foi usada como rota de fuga, os assassinos tocaram fogo no carro, que tem placas de João Pessoa (PB), e que tinha queixa de roubo. Grampos de ferro ainda foram jogados na pista, como forma de impedir alguma eventual perseguição.

G1RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente