terça-feira, 2 de agosto de 2022

Tendência do Podemos é oficializar Styvenson à candidatura ao governo

O ciclo de convenções partidárias para indicações de candidatos às eleições de 2022 no Rio Grande do Norte se encerra nesta semana. A expectativa é de oficialização da chapa majoritária do Podemos com as candidaturas do senador Styvenson Valentim ao governo do Estado e do médico Geraldo Pinho a senador da República, no último dia do prazo eleitoral,  sexta-feira (05), para realização de convenções.

  

Styvenson Valentim vinha se esquivando de confirmar sua postulação ao cargo de governador até a convenção do Podemos, mas já dava sinais de que  não abdicaria da disputa majoritária. 

 

Primeiro, no dia 14 de julho e a seis do início do prazo para realização de convenções, o Podemos mandou representantes para participar de reunião com a TV Band Natal, a fim de conhecer as regras do debate que a emissora levará ao ar, na noite deste domingo (07), entre os candidatos a governador do Rio Grande do Norte.

O Podemos assinou termo de compromisso para participação do debate, homologado na Justiça Eleitoral, ao lado de representantes da governadora Fátima Bezerra (PT), Fábio Dantas (Solidariedade), Rodrigo Vieira (Democracia Cristã), Rosália Fernandes (PSTU), Clorisa Linhares (PMB) e Daniel Morais (PSOL). A presença do candidato Antonio Bento da Silva (PRTB), oficializada no sábado (30), é avaliada pela Band.

 

Em seguida, o presidente estadual do Podemos, advogado Felipe Madruga, alterou o local da convenção do partido. Inicialmente, publicou-se edital no “Diário Oficial do Estado” de 19 de julho, determinando a Câmara Municipal de Natal (CMN), no Tirol, como local da convenção, mas no dia 27 daquele mês, Madruga publicou novo edital, chamando a convenção para o horário das 17:30 às 20 horas do dia 05, na Escola Estadual Maria Ilka de Moura, na rua Manoel Miranda, no bairro do Bom Pastor, Zona Oeste da cidade.

 

A Escola Maria Ilka de Moura tem um simbolismo para o senador Styvenson Valentim, que adotou o estabelecimento escolar, onde tem feito um  trabalho filantrópico e de cooperação pedagógica, inclusive seguindo regras no estilo de escolas cívico-militares.

 

“Um estado, para ter ordem e disciplina, começa com educação, na qual os alunos obedeçam professores, os pais e as regras”, diz o senador, em postagem do dia 22, nas redes sociais.  

 

Em março Valentim deixou a presidência estadual do Podemos, a fim de se dedicar mais ao mandato, essa foi a justifica da época, mas continuou influenciando nas decisões internas do partido. 

 

Por exemplo, depois de uma reunião com pré-candidatos a deputado, estadual e federal, a Executiva Estadual do Podemos decidiu estabelecer uma data (19 de junho), para que Valentim anunciasse sua pré-candidatura a governador.

 

O senador discordou do que considerava uma imposição: “É mais fácil eu sair do partido. Não devo nada a ninguém, não devo nada a partido nenhum". 

 

Posteriormente, a Executiva Estadual do partido informou, em nota, que "reavaliou ser adequado aguardar até a convenção partidária, no limite estabelecido em lei" (05 de agosto), um posicionamento do parlamentar sobre candidatura ao governo.

 

"Diferente do que foi veiculado na mídia, nunca foi dado um “ultimato”, mas sim estabelecida uma data, por decisão de ampla maioria presente, em assembleia registrada em ata, com objetivo de dar mais transparência e visibilidade à posição política do partido nessas eleições, além de agregar tempo hábil de organização e planejamento das questões eleitorais que competem aos partidos políticos brasileiros", diz a nota.

 

Na convenção desta sexta, o Podemos deve confirmar candidaturas à Câmara Federal da enfermeira Sílvia Helena Gomes (Natal), Clarissa Matias (Macaíba), Késia Magali (Parnamirim), Jullya Alves (São Gonçalo), professor Ozildo (Touros), Carlinhos do Vale (Macau), Gilson Veras (Janduis), Gari Aldair (Natal), Alexandre Vagner (Natal).

 

Outro partido a fazer convenção esta semana é o PTB, que reúne delegados e filiados a partir das 18:30 de amanhã, no restaurante Cuxá, na rua Marise Bastier, nº 173, em Lagoa Nova.

 

O presidente estadual do PTB, Getúlio Batista Neto, informou que o partido “se manterá neutro” na campanha majoritária e só lançará candidatos ao pleito proporcional – nove a deputado federal e 25 a deputado estadual.


Tribuna do Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente