quarta-feira, 6 de novembro de 2019

Conquista alcançada! Carla Bertuleza recebe título de Doutora. PARABÉNS!


Pesquisa, análise de resultados, compilações, tentativas, elaboração de teorias, mais pesquisa, mudança de paradigma, mudança na abordagem e na linha de pesquisa, elaboração de teoria e mais análises de dados.
Tudo isso é apenas uma pequena parte da vida de quem realmente se envereda pela existência acadêmica, que escolhe ter formação superior, depois mestrado, e por fim, o ansiado, difícil e extenuante doutorado.
Só o último, leva em média de quatro a cinco anos para ser concluído, noites mal dormidas, dias, centenas de dias, passa muito dos mil dias o tempo para a pesquisa e produção. Vem a parte das aulas práticas, viagens a cidades distantes, aulas intermináveis, e orientações aos montes.
E então, quando já se está quase ficando doido (a), vem a fase de conclusão da tese, quando a coisa chega ao seu momento mais difícil.
Sintetizei tudo, concentrei tudo isso, para parabenizar minha esposa Carla Bertuleza, pela conquista, nesta terça-feira, 05 de novembro, do seu título de Doutora.
 Isso mesmo, Doutora.
Ela defendeu sua Tese de Doutorado na cidade de Pau dos Ferros, nesta terça, e teve o documento aprovado pela Banca.
Ela agora passa a ser a terceira doutora da cidade de Angicos, com a responsabilidade de ajudar a fazer prosperar o conhecimento local e ao mesmo tempo, produzir pesquisa que possa ser relevante para as gerações futuras.
Parabéns Carla, uma caminhada de 11 anos, desde que entrou na faculdade até os dias atuais, se encerrou neste dia 05.
Agora, outra luta começa. E novas conquista virão, se Deus quiser e permitir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente