quarta-feira, 26 de fevereiro de 2020

CARNAVAL DE ANGICOS 2020: COMÉRCIO FRUSTADO E FOLIÕES INSEGUROS


Vários arrombamentos, roubos e assaltos marcaram os dias de carnaval em Angicos. Pessoas foram assaltadas a mão armada, várias casas foram arrombadas e os roubos foram comuns. Isso evidenciou mais do que nunca, a falta de segurança que a cidade vive atualmente. No comparativo com outras cidades, é a mais insegura, disparado.

Já com relação a festa momesca, foi lamentável a cena que aconteceu do sábado por domingo de carnaval no centro da cidade, e mostrou a falta de preparo e organização. O contraste em comparação com cidades da região, como Lajes, por exemplo, mostra a queda acentuada na qualidade.

Nem de longe o carnaval angicano atraiu a as pessoas da região ou população local. Pelo contrário, quem teve condições, saiu do município. Sem atrações de peso, a festa foi fraca, em vários aspectos, e além da decepção do povo, o comércio ficou frustrado, pois não foi o que se esperava em termos financeiros.

É claro que é melhor ter do que não ter. No ano passado foi ainda pior, quando quase não teve o evento pois a administração prometeu a implantação das câmeras de segurança. Foi fraco e sem brilho, mas mesmo assim foi melhor do que não ter.

No entanto, foram quatro anos de festa momesca apagada, quando a atual gestão prometeu revitalizar o carnaval e as outras festas da cidade. Ficou devendo e muito. O atual prefeito Deusdete Gomes não cumpriu a promessa feita em palanque e durante toda a campanha. Seu mandato se encerra em dezembro e ele irá lamentar não ter atendido a maioria dos angicanos que gostam de carnaval.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente