sexta-feira, 21 de fevereiro de 2020

Prefeito de Angicos luta para viabilizar reeleição - mas tá difícil – Não cumpriu promessas e propostas


Já em pré-campanha, o prefeito de Angicos, Deusdete Gomes, é disparado, o mais presente nas redes sociais e meios de comunicação da cidade.
Ele faz live pra tudo, de tudo. Nada contra, sou um dos pioneiros das lives em Angicos.
Mas está sempre falando sobre o futuro e espera sair bem sucedido em outubro, nas eleições desse ano, onde vai disputar a reeleição. Diz que tem “forças do mal” contra ele, e que é alvo de conspiração. Será?.

O que ele terá que enfrentar, no entanto, vai exigir uma tarefa hercúlea, pois das propostas ditas em campanha no ano de 2016, pouco cumpriu, e aquelas de maior relevância ficaram apenas nos discursos.

Nada do saneamento básico, nada de câmeras de segurança, nada da coleta seletiva de lixo, nada da guarda municipal, nada de casas populares, nada do cursinho permanente, nada de modernização na educação municipal, nada da mobilidade urbana, nada do campo de futebol, isso pra citar só alguns pontos de tantos que faltaram.

Só o que não falta é maquiagem. Aí isso tem muita, o dia inteiro. Não pode colocar um poste que já inaugura.

No entanto, vai ser difícil explicar a população porque ele é o prefeito, que,  em mais de 30 anos, não fez uma casa sequer para os pobres e carentes.
Vai ser difícil explicar porque não executou nenhuma obra ou ação estruturante.     
Vai ser difícil dizer porque foi cortada a Casa de Apoio em Natal, que servia aos mais carentes e necessitados.
Vai ser difícil explicar as famílias angicanas porque o IDEB caiu tanto na educação durante sua gestão.
Vai ser complicado explicar porque a Biblioteca Pública ainda não foi reformada como ele prometeu e não recebeu nenhum incremento nessa gestão.
Vai ser difícil explicar muita coisa, mas eu continuo falando disso em outra matéria.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente