sexta-feira, 28 de fevereiro de 2020

Rio Grande do Norte teve maior renda per capita entre estados do Nordeste em 2019, aponta IBGE: R$ 1.056,59


Rio Grande do Norte teve maior renda per 
capita entre estados do Nordeste em
 2019, aponta IBGE — Foto: Divulgação
O Rio Grande do Norte teve rendimento domiciliar per capita de R$ 1.056,59 em 2019, de acordo com dados divulgados pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística nesta sexta-feira (28). O valor ficou abaixo da média nacional, de R$ 1.439, mas, ainda assim, foi o maior entre os estados da região Nordeste e o segundo maior se considerados todos os estados do Norte-Nordeste.

Segundo o IBGE, o rendimento domiciliar per capita é o resultado da soma da renda recebida por cada morador, dividido pelo total de moradores do domicílio. O cálculo inclui pensionistas, domésticos e seus familiares.

Os dados fazem parte da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios – Contínua (Pnad Contínua). Essas estimativas servem para o rateio do Fundo de Participação dos Estados (FPE), conforme definido pela Lei Complementar nº 143, de julho de 2013.

A diferença entre a renda per capita dos potiguares e a dos maranhenses - a menor do país - é de R$ 421. Os potiguares também tem renda maior que os estados do Norte, com a exceção de R$ 1.136,48

Apesar disso, a renda dos potiguares ficou menor que a média nacional, que é de R$ 1.439, puxada principalmente pelos estados do Centro-Oeste, Sudeste e Sul do país. A maior renda do país é a do Distrito Federal, que foi de R$ 2.685,76 em 2019, seguido por São Paulo (R$ 1.945,73) e Rio de Janeiro (R$ 1.881,57).

G1RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente