quinta-feira, 20 de fevereiro de 2020

Otimismo dos brasileiros volta ao patamar do primeiro mandato de Dilma


Segundo uma pesquisa do instituto Ipsos antecipada pelo Valor Econômico, os brasileiros estão tão otimistas hoje em relação ao futuro quanto estavam em janeiro de 2013, no início do terceiro ano do primeiro mandato de Dilma Rousseff.

De acordo com o levantamento, o Brasil é o quarto país mais otimista do mundo: 46% dos entrevistados dizem acreditar que o país está no rumo certo (acima da média global, de 39%).

Por outro lado, a maioria dos brasileiros (54%) acredita que o país caminha no rumo errado (a média mundial é de 61%).

Durante o primeiro governo de Dilma, o índice dos otimistas com os rumos do país chegou a 59% em janeiro de 2012 e caiu para 47% em janeiro de 2013. Após os protestos de junho daquele ano, a taxa despencou para 20%, batendo nos 9% em 2014.

A parcela dos brasileiros otimistas com o país se manteve abaixo dos 20% até as eleições de 2018, com a vitória de Jair Bolsonaro. Desde então, o percentual vem subindo, tendo alcançado 50% em janeiro de 2019.

A pesquisa, intitulada “O que preocupa o mundo”, ouviu 19,5 mil pessoas em 28 países (mil no Brasil), entre os dias 20 de dezembro de 2019 e 3 de janeiro deste ano. A margem de erro é de 3,1 pontos percentuais.

O Antagonista

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente