terça-feira, 20 de outubro de 2020

Obra na barragem Armando Ribeiro Gonçalves pode reduzir abastecimento de água em Angicos e outros 15 municípios potiguares

Barragem Armando Ribeiro Gonçalves, maior reservatório do Rio Grande do Norte. — Foto: Anderson Barbosa e Fred Carvalho/G1

O Departamento de Obras Contra as Secas (DNOCS) da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) realizará obras na Barragem Armando Ribeiro Gonçalves entre os dias 23 e 27 de outubro. A intervenção, com o fechamento da comporta, pode reduzir o abastecimento de água de 16 cidades.

 

Os municípios que podem ter redução no abastecimento são Alto do Rodrigues, Angicos, Assú, Caiçara do Rio dos Ventos, Carnaubais, Fernando Pedroza, Guamaré, Jardim de Angicos, Lajes, Macau, Mossoró, Pedra Preta, Pedro Avelino, Pendências, Riachuelo e Serra do Mel. A Caern alerta que a população reserve água e faça uso racional no período.

A Caern e o DNOCS alinharam algumas medidas, como aumentar a liberação de água no rio Piranhas no período que antecede a obra. O objetivo é minimizar os impactos no abastecimento.

 

“Será uma reserva para que a Companhia possa fazer a captação da adutora Jerônimo Rosado que abastece parte de Mossoró e Assú”, afirma Jairo Ferreira, gerente da Caern Regional Sertão Central. A reserva também servirá para o abastecimento das cidades de Pendências, Macau, Guamaré, Alto do Rodrigues e Carnaubais, com captações ao longo do rio Piranhas. Água do açude Medubim também dará reforço para abastecimento destas cidades.

 

O Departamento de Obras Contra as Secas pretende construir no sistema adutor Sertão Central uma adutora emergencial para funcionar no período, captando água do lago da Armando Ribeiro e levando até o canal do Pataxó.

 

De acordo com a Caern, após a conclusão das obras, a água da barragem Armando Ribeiro será liberada em maior quantidade e reforçará pelo período de quatro dias para recuperar o volume nas captações e normalizar o abastecimento das cidades.


G1RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente