quarta-feira, 11 de maio de 2022

JORGE JESUS AFIRMA QUE ACEITARIA COMANDAR A SELEÇÃO BRASILEIRA NO FUTURO


São Paulo (AE) - Após protagonizar polêmica sobre um possível retorno ao Flamengo, na semana passada, o técnico Jorge Jesus afirmou que aceitaria convite para comandar a seleção brasileira. O português está desempregado e tentou voltar ao time carioca nos últimos dias, sem sucesso, depois de entrevista polêmica.

Na noite de segunda-feira, ele deu entrevista ao canal SporTV, em que foi questionado sobre seu futuro, incluindo uma eventual possibilidade de receber convite da CBF. "Isso é irrecusável, para qualquer treinador. Muito mais para mim, não tem dúvida", afirmou Jorge Jesus.

"Não há nenhum treinador no mundo que possa recusar um convite para treinar a seleção do Brasil. Muito menos eu, seria um orgulho muito grande. Como um marco histórico da minha carreira, treinar e ter a possibilidade de trabalhar com os melhores jogadores do mundo. E os jogadores brasileiros, volto a dizer, são os melhores do mundo não só em quantidade, mas também em qualidade", exaltou.

O cargo de técnico da seleção deverá ficar vago no fim do ano. Tite já avisou que deixará o time nacional ao fim da Copa do Mundo do Catar, que será disputada entre novembro e dezembro deste ano. E o presidente da CBF, Ednaldo Rodrigues, já declarou que poderia contratar um estrangeiro para a função. "Acho que um treinador da seleção do Brasil pode ser campeão do mundo e vice-campeão, ou seja, pode fazer duas seleções", disse Jesus.

Na mesma entrevista, o ex-treinador do Flamengo revelou que foi procurado por duas seleções sul-americanas nos últimos anos. Uma delas foi o Chile. Ele comentou também sobre uma proposta do Everton, da Inglaterra.

TN Online

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente