sexta-feira, 28 de maio de 2021

PM recupera moto roubada em Angicos e dá resposta a população

A Policia Militar vem desbaratando uma série de roubos e assaltos em Angicos, nas últimas semanas. Depois de vários assaltos e roubos de motos que aconteceram, em vários pontos da cidade, a polícia resolveu investigar mais a fundo tudo que vinha se desenrolando.

Nos últimos dias, a maioria das motos e materiais levados foram recuperados, mostrando que quando existe vontade, a PM dá conta do recado.

 

Na manhã desta sexta, 28, mais uma moto foi encontrada pela polícia. Essa moto tinha sido furtada de uma professora, de frente a escola Educandário Padre Felix, semanas atrás.

 

A moto, uma Honda modelo 160 cc start, foi encontrada depois da investigação policial, onde informações levaram até uma dupla, na cidade de Fernando Pedroza, que estavam com a moto roubada. 

 

Os dois, ao verem a polícia chegar, se evadiram, mas um foi pego, depois de intensa perseguição policial.

 No momento da abordagem os elementos se encontravam numa residência localizada na Rua São José, centro de Fernando Pedroza, com a chegada dos policiais um elemento que não teve a identidade revelada pela PM, fugiu pelos fundos da casa, enquanto que o outro individuo foi preso pela guarnição policial.

Segundo as informações do sargento Wellington, o elemento preso foi identificado. Trata-se de Antônio Bernardo da Silva Neto, de 25 anos de idade, natural de Angicos-RN.

Após a prisão em flagrante o elemento foi conduzido para cidade de Macau, para os devidos procedimentos junto a polícia civil.

A moto foi recuperada e está em processo de entrega a dona.

 

Quando é pra cobrar em nome da população, estamos aqui, e as vezes, criticamos construtivamente. Nesse momento, elogiamos os trabalhos recentes que a PM vem desenvolvendo.

 

A resposta, dada pelos agentes da lei, mandam um recado aos ladrões: estamos de olho e vigilantes;

 

Parabéns a PM e aos policiais envolvidos. O povo agradece e se sente mais seguro com ações como essas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente