terça-feira, 15 de março de 2022

Idoso de 83 anos é preso por crime sexual contra neta na Grande Natal

Um idoso de 83 anos foi preso em casa nesta segunda-feira (14), em Parnamirim, na Grande Natal, por crimes sexuais cometidos em 2010 contra a neta dele, que tinha 10 anos de idade na época.


Segundo a Polícia Militar, as equipes cumpriram um mandado de prisão aberto desde julho de 2021 contra o homem. O crime não prescreveu e existia a suspeita de que ele continuava assediando outras meninas da família.

 

"Recebemos informações da localização dele e fomos ao local, o encontramos, e ele não reagiu. A família disse que ainda hoje ele faz algum tipo de assédio com sobrinhas e bisnetas", disse um militar, que pediu para não ser identificado.

A prisão aconteceu dentro da 7ª fase da Operação Outlaws, que significa Foras-da-lei, em livre tradução para o Português, deflagrada pelo 4º Batalhão da Polícia Militar e pelo Comando Regional 3, da região Agreste. Ao todo, nove foragidos da Justiça foram detidos nesta segunda (14).

 

A operação foi criada diante da alta demanda de foragidos no estado. Começou na Zona Norte de Natal em junho de 2021, se estendeu pela Região Metropolitana de Natal e chegou recentemente à região Agreste potiguar. Em 10 meses, foram 136 presos recapturados. Entre os foragidos, criminosos com mandados em aberto há mais de 10 anos, estupradores, assaltantes e homicidas.

 

Segundo a PM, muitos se escondem em fazendas e locais de difícil acesso na vegetação da caatinga. Um foragido de Alcaçuz foi encontrado em um esconderijo no meio do mato, no sertão potiguar.


G1RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente