quinta-feira, 2 de janeiro de 2020

Número de mortes violentas cai 23,6% no Rio Grande do Norte em 2019, diz Secretaria de Segurança


Dados da Coordenadoria de Informações Estatísticas e Análise Criminal (Coine) da Secretaria da Segurança Pública e da Defesa Social do Rio Grande do Norte, em uma parceria com o Observatório da Violência (Obvio), apontam queda de 26,3% nos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLI) em 2019 quando comparados a 2018. De janeiro a dezembro do ano passado foram 1.446 mortes, contra 1.963 no ano anterior.

O relatório aponta que todos os índices apresentaram redução quando comparados ao mesmo período de 2018. No ano passado foram 1.039 homicídios, contra 1.468 em 2018. O Observatório notificou 162 óbitos por lesão corporal em 2019, contra 201 no ano anterior.

Em 2019 foram registradas 166 mortes em intervenções policiais; em 2018 foram 171. Quanto a latrocínios, que é o roubo seguido de morte, foram 58 em 2019 e 93 no ano anterior. No último ano foram contabilizados 21 casos de feminicídio, ante 30 em 2018.

O mês de dezembro foi o mais violento segundo o Obvio: foram 132 óbitos, crescimento de 16,8% em relação ao mesmo mês de 2018, que registrou 113 mortes. O período com o menor índice em 2019 foi fevereiro. Foram 103 óbitos em 2019, contra 181 no ano anterior, o que equivale uma queda de 43,1% segundo o levantamento.

Perfil
Segundo o levantamento divulgado nesta quinta-feira (2), 707 mortes aconteceram na região metropolitana de Natal; o número equivale a 48,9% dos crimes letais em todo o RN. No restante do estado foram 739 mortes violentas (51,1%).

Os dados ainda apontam que 1.267 (87,6%) das mortes violentas tiveram o uso de arma de fogo. Também foram registrados 82 (5,7%) casos de uso de arma branca, 30 (2,1%) mortes causadas por objeto contundente; 27 (1,9%) por espancamento; 21 (1,5%) por asfixia provocada e 19 (1,3%) outros modos.

De acordo com o Observatório da Violência no RN, 1.343 homens (93%), 102 mulheres (7%) e uma pessoa que não teve o gênero identificado foram vítimas de CLVI em 2019.

De janeiro a dezembro do ano passado, o relatório apontou que Natal foi a cidade com maior número de mortes violentas no RN, com 283 óbitos. Mossoró (222), no Oeste potiguar, São Gonçalo do Amarante (103), Macaíba (83) e Parnamirim (79), que ficam na região metropolitana da capital potiguar, completam o ranking das cinco cidades com maior número de óbitos mediante violência no estado.

G1RN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente