sexta-feira, 29 de julho de 2022

Inmet emite aviso de baixa umidade para 42 cidades do RN; veja instruções

Foto: Emanuel Amaral

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um aviso de baixa umidade que atinge 42 cidades do Rio Grande do Norte. Os índices de umidade relativa do ar podem variar entre 30% e 20%, o que é considerado abaixo do ideal e traz baixos riscos de incêndios florestais e à saúde das pessoas. O alerta tem vigência até às 18h desta sexta-feira (29).

 

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), o nível ideal de umidade do ar para o organismo humano gira entre 40% e 70%.

Devido aos riscos, o Inmet recomenda que as pessoas bebam bastante líquido, evitem desgaste físico nas horas mais secas e também evitem exposição ao sol nas horas mais quentes do dia.

 

O alerta é de cor amarela, a menor em escala de grau de severidade. A maioria das cidades potiguares listadas no aviso são do Alto Oeste, mas também há municípios da região do Seridó.

 

Veja lista das cidades no aviso:

  • Água Nova      
  • Alexandria      
  • Almino Afonso           
  • Antônio Martins         
  • Apodi  
  • Caraúbas         
  • Coronel João Pessoa  
  • Doutor Severiano       
  • Encanto          
  • Francisco Dantas        
  • Frutuoso Gomes        
  • Itaú     
  • Janduís            
  • Jardim de Piranhas     
  • João Dias        
  • José da Penha
  • Lucrécia          
  • Luís Gomes     
  • Major Sales     
  • Marcelino Vieira         
  • Martins           
  • Messias Targino         
  • Olho d'Água do Borges          
  • Paraná
  • Patu    
  • Pau dos Ferros           
  • Pilões  
  • Portalegre       
  • Rafael Fernandes       
  • Rafael Godeiro           
  • Riacho da Cruz           
  • Riacho de Santana     
  • Rodolfo Fernandes     
  • São Francisco do Oeste          
  • São Miguel      
  • Serra Negra do Norte
  • Serrinha dos Pintos    
  • Taboleiro Grande       
  • Tenente Ananias        
  • Umarizal         
  • Venha-Ver      
  • Viçosa

Tribuna do Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente