quinta-feira, 14 de julho de 2022

Por que as telas dos celulares cresceram tanto nos últimos 10 anos?

Se você tem pelo menos 15 anos de idade deve ter notado como os aparelhos passaram de pequenos brinquedos a computadores compactos capazes de realizar quase todo tipo de tarefa na palma da mão. E essa tendência de displays maiores não aconteceu em vão. Nesta matéria especial deciframos a evolução no tamanho das telas dos aparelhos que nos acompanham todos os dias.

Quando falamos em evolução — tanto eletrônica como biológica —, vemos que não é apenas um fator que determina a mudança e tendências evolutivas com o passar dos anos. Em vez disso, diversos pontos decisivos acontecem para que tenhamos chegado onde estamos hoje.

Popularidade no consumo de conteúdo

Antes mesmo dos celulares deixarem de custar uma fortuna e se disseminarem por faixas de preços mais acessíveis, empresas já percebiam que usuários estavam passando cada vez mais tempo com os smartphones em mãos e olhos grudados nas pequenas telas.

Pensando em conquistar os consumidores que buscavam celulares grandes para jogar e assistir filmes, séries e vídeos, e que ao mesmo tempo não possuíam interesse em adquirir um tablet exclusivamente para isso, fabricantes começaram a projetar celulares maiores, com a Samsung sendo uma das grandes precursoras da categoria que em 2012 era toscamente chamada de "phablets".

Fonte: terra


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Reflita, analise e comente